quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

Então é Natal, e o que você fez? O ano termina e nasce outra vez...

Fala, pessoal.

Nesses dias é comum pararmos pra pensar sobre o ano que findou e começar a traçar os planos para o próximo. Bom, acho que tudo isso é válido para reflexão.

Vou fazer uma avaliação de como foi meu desempenho em 2018 nas áreas que tracei como prioritárias ao estabelecer as METAS 2018, avaliando se atingi o objetivo ou falhei miseravelmente.


1. Atividades físicas: FALHEI


Falhei miseravelmente, cheguei a pagar o semestre num pacote da academia que incluía malhação e uma luta.  Só fui durante um mês nas aulas de Muay thai. Que vergonha!

Preciso achar alguma atividade física que me dê ânimo de praticar. Ou talvez eu esteja sendo um boçal esperando ânimo. Tenho que fazer porque preciso, não por gostar, afinal de contas.


2. Aportar 54k: FALHEI 


Essa com certeza foi minha maior decepção. Não cheguei nem perto. Atingi apenas uns 65% da meta. Eu pensava que iria superar com folga.

Tive imprevistos de saúde na família, gastos inesperados com o carro que comprei em abril... puts, uma conspiração matrixiana total contra minha liberdade financeira.

No cômputo geral, é como se esse ano tivesse ficado no 0x0 na questão das finanças. Em dezembro de 2017 eu tinha 114k, em dezembro de 2018 devo ter ficado na faixa dos 115k (não fiz fechamento nem acompanhei o financeiro do patrimônio). Pode-se dizer que em 2018 eu trabalhei só para pagar o carro que comprei.

Bom, mas como não me endividei como a maioria dos chimpas, segue o jogo!


3. Ler 30 livros: Sucesso, em partes


Eu parei de contabilizar em junho, quando tinha lido 11 livros. Parei de contar porque me peguei escolhendo um livro para ler só porque era menor e eu terminaria no mês e contaria para a meta.

Desde então acredito que li uns 10 livros físicos, uns 5 ebooks que o Bastter disponibilizou para os assinantes e só. Totalizando por alto creio que li 26 livros, aproximadamente 86% da meta.

Entendo que traçar a meta pela quantidade de livros lidos foi um erro. Talvez horas por semana/mês seria mais adequado, sei lá.

O importante é que eu li razoavelmente muito em 2018, artigos, livros, blogs, notícias (estas estou evitando), portanto tá valendo.


4. Fazer curso de inglês presencial: FALHEI  


Fiz uns 3 meses, mas abandonei antes de concluir o semestre. Achei o curso meio desorganizado, precisariam repor aula em julho e eu estaria viajando. Fiquei puto e desisti. Deveria ter voltado no segundo semestre ou procurado outro curso.


5. Beber menos: Sucesso, em partes


De forma geral em 2018 eu bebi MUITO menos que nos anos anteriores. Ainda cometi alguns excessos, principalmente nas férias e feriados prolongados. Fiquei contente por ter conseguido diminuir o consumo da cana nos meios de semana. Já teve épocas em que eu bebia TODOS os dias.

Pra 2019 espero ter ainda mais consciência no consumo do mé.
__

Olhando friamente, parece que o ano foi um fracasso. De 5 metas, falhei em 3 e cumpri as outras duas apenas parcialmente. O jeito é me esforçar mais esse ano e continuar andando.

É só isso, amigos. Em dezembro eu fiz um retiro de internet, tentei evitar ao máximo o contato com o mundo virtual. Só vacilei por alguns momentos com o facebosta, mas foi válido.

Abraço e feliz 2019 para todos nós. Que Nossa Senhora dos Aportes nos abençoe.

5 comentários:

  1. Finalmente alguém que publica que não conseguiu atingir as metas. Parabéns por nos contar que não conseguiu. Eu tbm não consegui várias e nem por isso vamos deixar de tentar. Abcs

    ResponderExcluir
  2. O importante é se divertir.
    Curta a vida, vc tem dinheiro e tempo.

    ResponderExcluir
  3. Acredito que em 2019 vai realizar mais metas!

    Em relação as atividades físicas e aos hábitos saudáveis, eu tenho um outro site sobre isso, se poder passe por lá, tem dicas legais http://emagrecerparavoce.blogspot.com/

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
  4. Pelo menos vc tinha metas....eu não só não tinha mentas como também o único objetivo era manter a "cabeça fora d'agua" e aguentar mais um ano de trabalho até a aposentadoria em maio... meta que falhei!rs Faltando 7 dias para a aposentadoria antecipada meu grande objetivo para esse ano será resgatar a saúde perdida, depois de deixar meu emprego o trabalho em tempo integral será voltar ao meu peso normal e me livrar dessas dories inexplicáveis que atribuo ao stress e má alimentação.

    Sr.IF
    www.srif365.com

    ResponderExcluir
  5. O que importa é tentar, várias outras coisas você pode fazer sem necessário ser uma meta !

    ResponderExcluir

Seu comentário é bem-vindo e sua opinião será respeitada.

Para tanto, peço que respeite a mim e aos demais comentaristas, evite floodar e fazer qualquer tipo de comentário que possa prejudicar alguém.

Não me responsabilizo pelos comentários de terceiros.